Aceder ao Portal do Paciente

Estudo Mamário

O Lagoacentro dedica especial atenção à patologia mamária.

Existe uma equipa de médicos com larga experiência em imagiologia mamária que é chefiada pelo Dr. Francisco Aleixo, “master” em patologia mamária pela universidade de Barcelona, e responsável técnico da Associação Oncológica do Algarve (AOA) no rastreio do cancro da mama do Algarve.

Tem como consultor um dos médicos com maior experiência em Portugal em Patologia Mamária, Dr. José Carlos Marques, responsável pela área da imagiologia mamária do serviço de radiologia do IPO de Lisboa, membro do rastreio do cancro da mama organizado pela Liga Portuguesa contra o cancro e, igualmente, “master” em patologia mamária pela universidade de Barcelona.

As técnicas de radiologia que integram esta equipa tem igualmente uma actividade dedicada a esta área da imagiologia proporcionando às utentes o menor desconforto possível durante a realização da mamografia.

Os equipamentos existentes são modernos, de ultima geração, apresentando o ecografo sondas de alta frequência bem como elastografia aplicação que permite em casos de duvida ajudar a esclarecer o medico radiologista sobre a possível natureza sólida/quistica de uma lesão através da sua distensibilidade/grau de dureza.

A metodologia utilizada na avaliação imagiologica mamaria é, em grande parte, condicionada pela idade da mulher.

 

Recomendação:

A ecografia deve ser utilizada como 1º exame imagiologico na mulher com idade inferior a 30 anos, na mulher grávida e em mulheres que foram sujeitas a traumatismo mamário recente ou que apresentem quadro inflamatório agudo mamário, situações estas (2 ultimas) em que existe uma manifesta incapacidade da mulher em tolerar a compressão durante a realização da mamografia.

A ecografia é o exame complementar da mamografia em mulheres com idade igual ou superior a 40 anos.

Nas mulheres com idades compreendidas entre os 30 e os 35 anos recomendamos a realização de ecografia eventualmente seguida de mamografia; cabe ao medico radiologista decidir qual a metodologia a adoptar em função dos achados da ecografia.

A partir dos 35 anos a mulher deverá efectuar a 1ª mamografia.

A mamografia é o método mais sensível de detecção precoce do cancro da mama.

As mulheres a partir dos 40 anos deverão efectuar uma mamografia com periodicidade anual associada à ecografia mamária – estudo mamário.

A partir dos 50 anos e em mulheres com mamas lipomatosas a avaliação mamografica deverá ser bianual.

O diagnóstico imagiologico mamario deve ter em consideração 3 elementos: clínica, mamografia e ecografia.

Todas estas recomendações destinam-se a mulheres assintomáticas e sem factores de risco.

 

As mulheres sintomáticas ou com factores de risco (ex.: historia familiar importante, antecedentes de cirurgia mamaria por lesões orgânicas) deverão efectuar vigilância de acordo com as recomendações do médico assistente.

 

Mensagem:

- Faça o auto exame em data fixa com periodicidade mensal, se possível nos primeiros dias do novo ciclo menstrual.

- Para a avaliação imagiológica mamaria não é necessária qualquer preparação previa.

- No dia do exame não deve usar cremes, desodorizantes ou pó de talco nas axilas e a nível mamário, porque estes produtos podem causar artefactos ao exame.

- Preferencialmente deve vestir duas peças de roupa (blusa e saia/calça) para que se torne mais pratico remover apenas a blusa.

- Deve ter-se em conta que a mulher apresenta uma maior sensibilidade durante o período pré-menstrual pelo que a realização deste exame deve ser evitada nessa altura.

 - É sempre conveniente que se faça acompanhar dos exames anteriores (mamografia e ecografia mamária), caso já tenha realizado os mesmos anteriormente, a fim de efectuar um estudo comparativo.

- Se houver a possibilidade de estar grávida ou se estiver em aleitamento deverá informar o médico ou a técnica antes da realização da mamografia.

 

Para fazer a mamografia ser-lhe-á pedido que, numa cabine adjacente à sala do mamógrafo, se dispa da cintura para cima, para que a roupa não dificulte ou prejudique o correcto posicionamento, factor relevante para a qualidade do exame.

Na sala da mamografia, a técnica de radiologia colocará o seu corpo e a mama nas posições adequadas para obter as diferentes incidências.

A mama será comprimida de forma gradual entre a plataforma e o compressor, compressão que é momentânea. Após a exposição ao rx, sob controlo automático, a mama é imediatamente descomprimida.

Na grande maioria das mulheres a compressão é bem tolerada; em algumas poderá causar um maior desconforto, que será melhor tolerado se o corpo estiver descontraído.

É a compressão que permite homogeneizar as estruturas da mama, evitar movimento, factores determinantes para obter mamogramas de alta qualidade com baixa dose de radiação.

Este exame demora cerca de 10 minutos.

Será depois encaminhada para outra sala contígua para que seja sujeita a observação clínica pelo médico radiologista, que efectuará a Ecografia Mamária (e axilar, sempre que necessário).

Outros procedimentos de diagnóstico poderão ser considerados indicados para o diagnóstico, nomeadamente exames de Intervenção e/ou Ressonância Magnética Mamária. O medico radiologista informá‑la‑á se considerar pertinente algum destes estudos, explicando quais os benefícios expectáveis. Com o acordo do Clinico e/ou da examinada poderão ser posteriormente agendados.