Aceder ao Portal do Paciente

Radiologia de Intervenção

Por Radiologia de Intervenção entendem-se todos os actos médicos praticados por médicos radiologistas com intuitos diagnósticos ou terapêuticos, em que é aproveitada a experiência em técnicas de imagens (Ecografia, Raios X e TAC), para a realização de manobras minimamente invasivas dentro do corpo humano – introdução de agulhas para biópsias ou administração de fármacos, manipulação de cateteres dentro do sistema sanguíneo ou noutros canais naturais, sob controlo de imagem.

Os actos praticados em Radiologia de Intervenção seriam impossíveis de realizar com segurança sem controlo visual, ou exigiriam intervenções cirúrgicas com maior risco, sofrimento e tempo de imobilização para o doente.

Radiologia de Intervenção Diagnóstica

Tratam-se de punções diagnósticas sob controlo imagiológico. Podem ser realizadas com agulha fina ou grossa, respectivamente para estudos citológicos ou histológicos (os primeiros analisam as células e os segundos analisam os tecidos do organismo). Em qualquer dos casos, trata-se de abordar órgãos com eventual doença, sendo a agulha guiada por métodos de imagem em tempo real.